Em formação

Curiosidades sobre frutas cítricas na alimentação infantil

Curiosidades sobre frutas cítricas na alimentação infantil


We are searching data for your request:

Forums and discussions:
Manuals and reference books:
Data from registers:
Wait the end of the search in all databases.
Upon completion, a link will appear to access the found materials.

Frutas cítricas são frutas mais ou menos ácidas que vêm de árvores que requerem invernos não muito severos para sobreviver e muita luz. Podemos incluir neste grupo o laranja, limão, toranja, lima ou tangerinas. Todas essas frutas têm características semelhantes entre si, embora também diferenças.

Nós te dizemos alguns curiosidades que você não conhecia sobre frutas cítricas na alimentação infantil.

Quando introduzir frutas cítricas na dieta das crianças após o início da alimentação complementar?

Como acontece com a maioria das frutas, não há idade definida para a introdução dos cítricos, nem por precaução nem por necessidade. As frutas cítricas não são nem mais nem menos necessárias do que outras frutas, pois não fornecem micronutrientes que não podem ser encontrados em outros alimentos.

Os alimentos cítricos são altamente alergênicos?

Não não são. No entanto, o ácido cítrico presente nessas frutas pode causar vermelhidão ao redor da boca do bebê quando consumido, pois geralmente são sensíveis ao ácido. Quanto maior a quantidade de ácido, maior a possibilidade de aparecimento dessa vermelhidão, que pode causar irritação ou erupção cutânea não só ao redor da boca, mas também na região da fralda.

Quais são os benefícios das frutas cítricas na alimentação infantil?

As frutas cítricas são uma fonte muito interessante de vitamina C, extremamente útil para a absorção de ferro não heme de alimentos de origem vegetal. Por isso, e dado que a alimentação complementar é introduzida, entre outros motivos, para garantir o fornecimento de ferro que a amamentação não pode garantir, seria interessante incluir frutas cítricas na alimentação precoce e frequente para garantir o aproveitamento máximo.

Qual é o teor de micronutrientes dessas frutas?

Em geral, eles são caracterizados por serem uma fonte muito importante de vitamina C, mas não só contêm essa vitamina, mas também contêm quantidades não desprezíveis de ácido fólico e pró-vitamina A. Entre os minerais mais relevantes estão o potássio, magnésio e cálcio, minerais muito importantes para os ossos, especialmente nas fases de crescimento, e para os músculos, necessários ao considerável exercício físico que realizam os nossos pequeninos. Além disso, e de vital importância para garantir a tarefa nem sempre fácil da hidratação na infância, essas frutas contêm grande quantidade de água.

Qual é o seu conteúdo calórico?

Essas frutas contêm cerca de 50 kcal por 100g de porção comestível, o que as posiciona entre as frutas de baixa caloria.

Essas frutas são uma importante fonte de fibra, mas o que acontece quando são consumidas na forma de suco?

Quando as frutas cítricas são espremidas, toda a fibra é perdida e os açúcares se tornam mais acessíveis (mais fáceis de absorver) e prejudiciais aos dentes.

As frutas cítricas mais consumidas, laranjas e tangerinas, são fáceis de transportar na mochila e consumir como lanche no recreio ou após as aulas, tornando-se um lanche doce com muitos benefícios para a saúde dos mais pequenos.

Você pode ler mais artigos semelhantes a Curiosidades sobre frutas cítricas na alimentação infantil, na categoria Nutrição Infantil no Local.